Janeiro Branco: A importância da saúde mental.

Conheça os sinais que apontam para possíveis transtornos mentais.

15/01/2020
557
Janeiro Branco: A importância da saúde mental.

Entre as metas estipuladas do ano, em quantas delas você incluiu a sua própria saúde mental? É pensando nisso que o ano começa com uma campanha especial, intitulada “Janeiro Branco”, dedicada à importância dos cuidados psicológicos e promoção do conhecimento acerca das questões mentais e emocionais.

Segundo o site oficial da campanha Janeiro Branco, uma das principais ideias da campanha é fazer do mês de janeiro o marco temporal estratégico para que todas as pessoas e instituições sociais do mundo reflitam, debatam, conheçam, planejem e efetivem ações em prol da saúde mental e do combate ao adoecimento emocional dos indivíduos e das próprias instituições*.

Dados sobre a saúde mental

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que, atualmente, mais de 300 milhões de pessoas sofrem de depressão em todo o mundo, um transtorno mental frequente que afeta todas as faixas etárias, de qualquer raça, etnia ou classe social.

Ainda segundo a OMS, uma pessoa entre quatro será afetada por problemas mentais ou neurológicos em algum momento de suas vidas.

Além da depressão, mais de 25% dos adultos sofrem de algum outro tipo de transtorno mental, como ansiedade, estresse, síndrome do pânico, entre outros, pelo menos em algum momento de suas vidas. E não só eles podem ser acometidos por estas doenças, como também crianças, adolescentes e idosos.

Sinais de alerta

Não existe uma lista de sintomas determinados para transtornos mentais, mas alguns sinais importantes podem ser detectados. Alguns deles:

  • Oscilação constante de humor;

  • Sensação de dor inexplicável;

  • Tristeza prolongada;

  • Problemas para dormir e falta de apetite;

  • Falta de memória;

  • Vontade de se ferir.

Cuidados com a saúde mental

Antes de tudo, é muito importante frisar que o tratamento adequado não é feito de forma informal. Para tratar de doenças mentais, é necessário buscar ajuda profissional de um psicólogo ou psiquiatra, profissionais que estudam o comportamento humano e buscam pelas causas dos problemas através de sessões/atendimentos regulares.

O tratamento adequado, também conhecido como terapia, varia de acordo com cada caso, mas tem sempre o objetivo de buscar uma adequada saúde mental e a promoção de uma boa qualidade de vida.

Como qualquer outra doença, qualquer tipo de transtorno mental é tratável. Quanto mais cedo diagnosticado, mais fácil curá-lo.

*Fonte: http://janeirobranco.com.br/projeto-janeiro-branco/

Veja mais postagens!